Tornando-se um profissional empreendedor


Tornando-se um profissional empreendedor

Uma das dificuldades que muitos profissionais frequentemente relatam está em como encontrar a sua veia empreendedora. Por medo, preconceito ou a sensação de que há poucas expectativas para crescer no meio empreendedor, bons profissionais acabam deixando de lado essa importante “ferramenta”.

Especialistas são unânimes em apontar que é possível desenvolver técnicas e acumular conhecimento para se tornar um profissional empreendedor. De acordo com o presidente da Proxis, Jimmy Cygler, estar sempre atento e acompanhar os movimentos, transformações e oportunidades do mercado pode ser o começo de uma carreira duradoura. E empreendedora.

“É possível se tornar um profissional empreendedor através da leitura de jornais, revistas, sites (principalmente aqueles especializados no setor de atuação) e livros. Além disso, cursos acadêmicos ou livres voltados a quem quer ser empresário também ajudam”, sugere o executivo. 

Outros pontos importantes para o desenvolvimento do perfil empreendedor são: participações em eventos como palestras, seminários, fóruns e eventos que, além de agregarem conhecimento, permitem networking com profissionais com perfis e objetivos semelhantes. Também é importante alimentar a inspiração através de atividades que estimulem a criatividade, inovação e o pensamento “fora da caixa”.

A imagem do empreendedor

Para que um profissional seja influente em seu meio de atuação, é necessário ser um líder capaz de orientar e transmitir, de forma clara e simples, o rumo a ser tomado pelo time. Segundo Cygler, o líder deve ser capaz de motivar e inspirar, em todas as circunstâncias e momentos. “Transmitir segurança é igualmente essencial para cultivar a união da equipe. Saber ouvir é uma qualidade nata do empreendedor de sucesso. Soluções talvez nunca pensadas podem vir à tona quando se ouve funcionários, colaboradores, fornecedores e parceiros”, explica o presidente da Proxis.

Ainda segundo o executivo, além da imagem de “líder”, um bom empreendedor deve possuir uma boa imagem social. Em geral, eles dedicam pouco tempo à televisão e mais aos livros e esportes. Também viajam com frequência, se afastam de pessoas negativas e garantem otimismo no planejamento. “O empreendedor deve saber peneirar o essencial e o supérfluo. O tempo é o único recurso realmente finito, e sabê-lo usar bem é condição vital para que cronogramas e prazos sejam cumpridos garantindo o crescimento”, conclui Cygler.

FONTE:Equipe Brasil Vagas Executivas & Conexus Content C
Curta o Emprego-youcan no Facebook Facebook Emprego You Can